SketchUP – conhecendo os eixos X, Y e Z.

Com este tutorial, você irá conhecer os eixos que formam a área de trabalho e criação do Sketchup. O espaço 3D do Sketchup é identificado pelos eixos de desenho, que são as três linhas coloridas (azul, verde e vermelho) e que são perpendiculares entre si, formando assim, o ponto de origem.

1. Quando a linha desenhada estiver verde, a mesma estará paralela ao eixo Y (verde). Porém, caso precise certificar-se que a mesma está no eixo correto, poderá pressionar a tecla direcional esquerda no seu teclado, dessa forma, irá travar a linha no eixo verde;

2. Se a linha desenhada estiver em vermelho, a mesma estará paralela ao eixo X (vermelho). Podendo pressionar a tecla direcional da direita no seu teclado, dessa forma, irá travar a linha no eixo vermelho;

3. O eixo azul representa altura, desta forma quando a linha apresentar a cor azul indicará que está paralela ao eixo Z. Para travar a linha no eixo Z basta utilizar a tecla de direcionamento cima e baixo; Atenção: é importante que as linhas do seu projeto, sempre sigam algum dos três eixos, pois, caso não fiquem, poderão perder o alinhamento em relação as demais. Os eixos X e Y (vermelho e verde), formam o plano de chão, e o eixo Z (azul), representa altura, desta forma poderá agora iniciar seu projeto construindo pisos e paredes.

SketchUP – ferramentas básicas

Caixa de medidas Esta caixa é localizada no canto inferior direito e é onde aparecem as medidas dos desenhos modelados. Ao criar seus objetos e editá-los, você digitará as medidas neste espaço, o qual também mostra automaticamente as medidas de uma distância a outra quando algum componente é movido ou modificado. Ferramentas básicas As ferramentas mais básicas do software se encontram nesse espaço superior. Conheça cada um de seus agrupamentos e funções a seguir com os nomes descritos tanto na versão em português e inglês. Selecionar/select: é o ícone que permite selecionar os elementos presentes no projeto para que possam ser modificados ou que alguma ação a partir de outras ferramentas ocorra com tal elemento. Sua função é basicamente igual à seta do mouse no computador. Grupo 4: Orbitar/orbit: a ferramenta é utilizada para rotacionar a câmera do cenário ao redor da própria cena ou de um objeto. Para usar a ferramenta mova o cursor clicado na direção desejada da visão 3D depois de selecioná-la. Panorâmica/pan: ao clicar no ícone você pode mover a câmera no campo de visão para direita e esquerda e para cima e para baixo. Selecione a ferramenta e arraste com o mouse clicado na direção desejada. Zoom/zoom: serve para aumentar ou diminuir o campo de visão da cena. Utilize a ferramenta selecionando-a, clique no cursor do mouse e mova-o, ainda clicado, para cima para aumentar o zoom e para baixo para diminuir. Modelo centralizado/zoom extents: utilizada para centralizar o campo de visão. Basta apenas clicar no ícone. É importante caso o modelo desapareça da tela ou a visualização fique confusa e você precise de uma referência. Grupo 4: Orbitar/orbit: a ferramenta é utilizada para rotacionar a câmera do cenário ao redor da própria cena ou de um objeto. Para usar a ferramenta mova o cursor clicado na direção desejada da visão 3D depois de selecioná-la. Panorâmica/pan: ao clicar no ícone você pode mover a câmera no campo de visão para direita e esquerda e para cima e para baixo. Selecione a ferramenta e arraste com o mouse clicado na direção desejada. Zoom/zoom: serve para aumentar ou diminuir o campo de visão da cena. Utilize a ferramenta selecionando-a, clique no cursor do mouse e mova-o, ainda clicado, para cima para aumentar o zoom e para baixo para diminuir. Modelo centralizado/zoom extents: utilizada para centralizar o campo de visão. Basta apenas clicar no ícone. É importante caso o modelo desapareça da tela ou a visualização fique confusa e você precise de uma referência. Grupo 4: Orbitar/orbit: a ferramenta é utilizada para rotacionar a câmera do cenário ao redor da própria cena ou de um objeto. Para usar a ferramenta mova o cursor clicado na direção desejada da visão 3D depois de selecioná-la. Panorâmica/pan: ao clicar no ícone você pode mover a câmera no campo de visão para direita e esquerda e para cima e para baixo. Selecione a ferramenta e arraste com o mouse clicado na direção desejada. Zoom/zoom: serve para aumentar ou diminuir o campo de visão da cena. Utilize a ferramenta selecionando-a, clique no cursor do mouse e mova-o, ainda clicado, para cima para aumentar o zoom e para baixo para diminuir. Modelo centralizado/zoom extents: utilizada para centralizar o campo de visão. Basta apenas clicar no ícone. É importante caso o modelo desapareça da tela ou a visualização fique confusa e você precise de uma referência. Grupo 4: Orbitar/orbit: a ferramenta é utilizada para rotacionar a câmera do cenário ao redor da própria cena ou de um objeto. Para usar a ferramenta mova o cursor clicado na direção desejada da visão 3D depois de selecioná-la. Panorâmica/pan: ao clicar no ícone você pode mover a câmera no campo de visão para direita e esquerda e para cima e para baixo. Selecione a ferramenta e arraste com o mouse clicado na direção desejada. Zoom/zoom: serve para aumentar ou diminuir o campo de visão da cena. Utilize a ferramenta selecionando-a, clique no cursor do mouse e mova-o, ainda clicado, para cima para aumentar o zoom e para baixo para diminuir. Modelo centralizado/zoom extents: utilizada para centralizar o campo de visão. Basta apenas clicar no ícone. É importante caso o modelo desapareça da tela ou a visualização fique confusa e você precise de uma referência. Grupo 1: Borracha/eraser: permite apagar linhas e excluir entidades. Pode ainda suavizar ou ocultar arestas. Para utilizá-la, selecione a ferramenta e arraste por cima dos elementos a serem apagados. Linha/line: o ícone do lápis desenha linhas em qualquer sentido e de qualquer tamanho. Há também a opção de desenho “mão-livre”. Selecione a ferramenta e arraste o mouse com o cursor clicado para criar a linha. Arco/arc: o ícone de uma linha arqueada permite criar arcos em diversos ângulos e tamanhos. Há as opções de arcos com 1, 2 ou 3 pontos ou criar a própria angulação. Para criar o arco, clique no ponto inicial de sua formação e no ponto final. Mova o mouse para “desenvolver” sua extensão. Formas/shapes: dentre as formas encontram-se a retangular, retangular rotacionada, circular e poligonar. As formas podem ser criadas em qualquer sentido e tamanho. Clique no ícone e arraste o cursor do mouse para expandir ao tamanho e sentido desejado para a forma. Grupo 2: Empurrar/Puxar/push/pull: utilizada para expandir ou retrair o volume da geometria dos modelos. Selecione a ferramenta e clique na face que você deseja expandir ou retrair, movendo o cursos para criar ou diminuir o volume. Equidistância/offset: cria cópias de linhas e faces que estejam a uma distância uniforme das entidades originais. Sua ação a uma face sempre resultará na criação de uma nova. Você pode digitar na caixa medidas a distância precisa que deseja as linhas ou faces. Para botá-la em ação, clique na que quiser duplicar e em seguida no ícone da Equidistância. Mova o cursor para dentro ou fora ou digite a distância. Mover/move: move os objetos aleatoriamente ou com precisão pela cena. Para mover aleatoriamente, selecione o objeto e o direcione para qualquer lugar da cena. Para mover a um local específico ou com precisão, especifique o novo comprimento de deslocamento durante a ação. A ferramenta ainda possibilita a mudança do ângulo do objeto ao clicar e deslocar os símbolos “mais” (+). Rotar/rotate: a ferramenta é utilizada para rotar, alongar, distorcer ou copiar entidades ao longo de um caminho arredondado. O objeto pode ser rotacionado em três diferentes planos no ambiente tridimensional. Para acionar a ferramenta, selecione-a e escolha a face do elemento a ser rotacionado. Selecione o ínício do movimento e o faça até a posição desejada. Escala/scale: o ícone permite aumentar e diminuir o tamanho de um objeto ou ainda alongar ou estreitar o comprimento de uma de suas faces. Para utilizá-lo é só clicar no objeto e arrastar o quadradinho da função escolhida. Grupo 3: Fita métrica/tape measure tool: é usada para medir distâncias entre dois pontos. Para utilizar, clique no ponto inicial da medida e mova o cursos ao ponto final. A distância medida aparecerá na caixa de medidas abaixo. Texto/text: ao clicar no ícone o SketchUp permitirá que você insira textos em seu projeto e ainda os relacione como os elementos presentes ali, a fim de especificá-los. Pode ser útil ainda para criar legendas para o projeto e lembretes. Ao especificar elementos, selecione o ícone, clique no elemento e arraste o mouse para cima ou para o lado. Abrirá o espaço para inserir o texto, onde você poderá especificar. Pintura/paint bucket: essa ferramenta é utilizada para pintar os componentes com os materiais que escolher. Para utilizá-la, selecione-a e depois selecione na janela de materiais o material a ser utilizado. Grupo 4: Orbitar/orbit: a ferramenta é utilizada para rotacionar a câmera do cenário ao redor da própria cena ou de um objeto. Para usar a ferramenta mova o cursor clicado na direção desejada da visão 3D depois de selecioná-la. Panorâmica/pan: ao clicar no ícone você pode mover a câmera no campo de visão para direita e esquerda e para cima e para baixo. Selecione a ferramenta e arraste com o mouse clicado na direção desejada. Zoom/zoom: serve para aumentar ou diminuir o campo de visão da cena. Utilize a ferramenta selecionando-a, clique no cursor do mouse e mova-o, ainda clicado, para cima para aumentar o zoom e para baixo para diminuir. Modelo centralizado/zoom extents: utilizada para centralizar o campo de visão. Basta apenas clicar no ícone. É importante caso o modelo desapareça da tela ou a visualização fique confusa e você precise de uma referência. Adicionar localização/add location: a ferramenta é integrada ao Google Earth e permite que você posicione seu projeto em qualquer lugar do mundo, apenas inserindo as informações necessárias. Para adicionar a localização, clique no ícone e digite o nome da localização. Clique em “pesquisar/search” e a localização procurada aparecerá. Clique em “selecionar região/select region” ao lado e especifique a imagem para localizar o local. Clique em “capturar/grab” e a imagem aparecerá bloqueada na área de trabalho. Para desbloquear, clique com o botão direito do mouse e escolha “desbloquear/unlock”. Adquirir modelos/get models: essa ferramenta permite que você faça download de modelos 3D já prontos no “depósito” 3D do SketchUp. É só pesquisar pelo o que você procura, clicar no elemento e fazer seu download. Assim, você pode inserir o modelo direto no seu projeto. Depósito de extensões/extension wirehouse: a ferramenta te mostra um local com diversas extensões de variadas finalidades e usos no SketchUp para que você possa procurar pelo o que precisa e fazer seu download. Seu funcionamento é semelhante à ferramenta descrita acima. LayOut/LayOut: permite que você mande seu projeto para o software SketchUp LayOut.

SketchUp – Novidades das atualizações de 2020

Apresentando o Outliner Uma grande mudança na organização do modelo: Outliner. Em um esforço para melhorar o desempenho do modelo, você não precisa mais criar Camadas em Camadas. Gerencie e organize seu modelo diretamente no Outliner. Use o ícone amigável do globo ocular para alternar entre as principais seções do seu modelo, como entre plantas principais e mobiliadas. Novas garras nas caixas delimitadoras Quando você pega um ponto que está obscurecido em um objeto (como um canto traseiro ou um ponto central) e começa a movê-lo, seu objeto fica automaticamente transparente quando algo no seu modelo interfere no objeto que você está movendo. Isso funciona com a ferramenta Girar e a ferramenta Mover. Isso literalmente “transformará” seu fluxo de trabalho. Não confie apenas em nossa palavra: teste você mesmo e comece a posicionar objetos em locais de difícil acesso para ver o que acontece! Melhor controle de objetos ocultos Você notará no seu menu suspenso que separamos objetos ocultos da geometria oculta. Como isso mudará seu fluxo de trabalho? Isso permitirá que você gerencie melhor a geometria oculta e os objetos ocultos para uma experiência de modelagem ainda mais prática. Por exemplo, digamos que você queira editar bordas ocultas em uma paisagem ou suavizar superfícies, mas ainda deseja ocultar objetos que estão próximos como árvores, arbustos ou um prédio. Agora você pode fazer isso! Atualizações no seu dicionário do SketchUp Temos algumas atualizações nas convenções de nomenclatura que usamos ao falar sobre o SketchUp Pro 2020. Isso não altera seu fluxo de trabalho, mas queremos ter certeza de que você sabe que nós estamos falando de uma coisa de maneira diferente agora. Aqui está o resumo! Objetos agora são um termo coletivo para: grupos, componentes e componentes dinâmicos. Isso significa apenas que não precisamos mais dizer grupo (barra) componentes 😀. Além disso, as Camadas agora são chamadas de “Tags”, e lembre-se de que esses dois termos são meramente convenções de nomenclatura e não influenciarão seu fluxo de trabalho. LayOut 2020: Controle de Documento O foco do LayOut foi melhorar a interação entre o SketchUp e o LayOut para economizar tempo e energia. Isso significa que não será preciso ir e voltar no SketchUp, atualizando cenas para garantir que seu desenho saia perfeitamente, pois agora você tem mais capacidade de edição, diretamente no LayOut. Mais poder para ajustar as vistas do modelo O LayOut agora entende muito mais sobre o seu modelo do SketchUp e o que você substituiu. Isso significa que você pode mudar com segurança um estilo ou ângulo da câmera diretamente no LayOut sem perder acidentalmente suas alterações. Como você sabe o que há de diferente na sua viewport do LayOut em relação ao seu modelo? Quando você faz alterações no LayOut, partes da barra de menus ficam cinza escuro, alertando que você fez uma substituição. Lembre-se: só porque você fez algumas alterações no LayOut, não significa que você está preso a elas. Você sempre pode ressincronizar suas viewports de volta para o modelo do SketchUp se necessário. Personalização aprimorada de seus desenhos Leve esses documentos do LayOut para o próximo nível com diferentes modelos e visualizações. Se você possui um modelo do SketchUp existente em várias viewports, agora pode vincular apenas uma dessas viewports a outro modelo do SketchUp. Antes, era necessário excluir essa viewport, inserir um novo modelo SKP e redefinir todas as suas configurações de escala e dimensionamento da viewport. É muito mais eficiência!

10 importantes dicas que todo usuário de SketchUp deve saber

1.Utilize um mouse com 3 botões: Mouses com aquelas “rodinhas” embutidas tornam a rolagem muito mais fácil, e também ativam uma ferramenta no SketchUp. Basta clicar e pressionar para baixo para acionar a ferramenta Orbit/Órbita. Isso significa que você pode alternar a visão e perspectiva do seu objeto enquanto você desenha, economizando vários cliques em direção à barra de ferramentas. 2. Groups e Components: Seus modelos ficarão organizados e você poderá “esconder” algumas partes do seu desenho enquanto trabalha em outras, sem deletar uma única linha. Grupos isolam partes da sua geometria. Eles permitem que você manipule e mova partes mais complexas do seu projeto, sem mover cada peça individualmente. Há também a opção de subgrupos. Tudo isso pode ser visualizado na janela Outliner, que organiza tudo pra você em uma hierarquia. Para criar um grupo, selecione as partes que você deseja agrupar, clique com o botão direito e selecione “Make Group”. Componentes permitem que você crie cópias idênticas de algo- vamos falar mais sobre isso no próximo item. Se você mudar algo dentre os seus componentes, todas as mudanças serão aplicadas nos demais. O processo de agrupar é o mesmo para criar um componente, é só clicar com o botão direito e selecionar “Make Component”. 3. Criando várias cópias: Nada de CTRL + C ou CTRL + V. O SketchUp copia e cola seus itens de forma inteligente. Primeiro, você precisa selecionar o objeto que quer replicar. Ele precisa estar necessariamente em um grupo. Depois, pressione o CTRL, digite a distância entre uma cópia e outra no teclado e aperte enter. Para multiplicar suas cópias e deixá-las equidistantes, basta apertar 10* e Enter. O exemplo criará 10 cópias espaçadas de acordo com a cópia original. Ou então você pode pressionar /10 para criar dez cópias entre a cópia original. O número de cópias e distância vai funcionar de acordo com o valor digitado. 4.Trancar axis/eixos com as teclas de seta: É possível trancar as linhas de eixo do seu projeto enquanto você movimenta algo ou desenha. Pressione as teclas de seta do seu teclado para cima para trancar um objeto ao eixo azul, a esquerda corresponde ao eixo verde, e direita ao vermelho. 5.Passo a passo: Às vezes o SketchUp tem dificuldade em saber exatamente para onde você está movendo um objeto. Tenha paciência. Pense nos movimentos um eixo de cada vez. Posicione a altura, referencie e tranque as linhas necessárias em três passos diferentes. Assim você consegue definir a posição do objeto de forma precisa sem gastar muito tempo com alinhamento. 6.Crie guias com a Ferramenta Tape Measure/Fita Métrica: Essa é uma dica indispensável para criar objetos com dimensões específicas. Guias são uma forma fácil de referenciar pontos específicos, e podem ser criadas a partir da ferramenta Tape Measure/Fita Métrica, destacada na imagem. Clique em uma aresta com a Tape Measure e arraste o mouse junto com as linhas de eixo/axis. Digite a distância que você quer determinar entre a guia e a aresta do objeto. Pronto. 7. Não clique no Value Control Box: Há um box no canto inferior direito do SketchUp. Não clique nele. Trata-se da Value Control Box, a VCB, que muitos usuários costumam confundir com uma caixa de diálogo que configura dimensões. Na verdade, a função da VCB é simplesmente mostrar as medidas com as quais você está trabalhando em um objeto. Você pode clicar, mas ela simplesmente vai mostrar as dimensões. Para alterá-las, simplesmente digite as novas medidas e aperte Enter. 8. Faça outros pontos de referência: Você pode criar novos pontos de referência para alinhar seus objetos. Vamos utilizar um exemplo do próprio Donley: digamos que você tem uma cadeira e uma mesa no seu modelo. Você quer que a parte inferior da mesa e a cadeira estejam alinhadas no mesmo plano. Então, você seleciona a cadeira e utiliza a ferramenta Move. Referencie a parte inferior da cadeira para começar a mover, então tranque-a no eixo azul – você pode fazer isso ao simplesmente apertar a seta para cima do seu teclado – e depois mova-a até a mesa. Isso alinha os dois objetos no eixo azul de acordo com os pontos de referência que você criou no início e no final do movimento. 9. Selecione vários objetosHá duas formas de fazê-lo, e ambas são fáceis. A primeira consiste em arrastar uma caixa de seleção ao redor das partes que você deseja selecionar. Na segunda você deve utilizar a ferramenta Select. Ao clicar em uma face, ela será selecionada. Duplo clique seleciona faces com arestas conectadas. Três cliques selecionam todas as partes do objeto. Essa dica é válida principalmente quando você precisa criar um grupo. Mas lembre-se que para selecionar algo dentro do grupo você precisa dar um clique duplo para abri-lo. 10. Decore atalhos de teclado!

FONTE: http://44arquitetura.com.br/2016/04/10-importantes-dicas-que-todo-usuario-de-sketchup-deve-saber/

V-Ray Next para SketchUp

Com otimizações de workflow e renderização mais rápida, o V-Ray Next está mais completo, veloz e poderoso!

GERENCIAMENTO DE ASSETS
Com essa ferramenta você simplifica seu fluxo de trabalho e acompanha toda a sua cena de forma mais rápida e fácil com as novas e aprimoradas ferramentas de gerenciamento de ativos no V-Ray Next for SketchUp. Você poderá pesquisar, selecionar e visualizar recursos, tudo em um único local.

CONEXÃO PROFUNDA COM SKETCHUP
O V-Ray Next for SketchUp adicionou ferramentas novas e aprimoradas, com o objetivo de te ajudar a gerenciar sua cena, personalizar seus estilos de viewport e importar cenas de V-Ray de outros aplicativos 3D. Para expandir ainda mais seu kit de ferramentas, está incluso a renderização de rede aprimorada e uma nova barra de ferramentas do V-Ray para facilitar o acesso a todas as suas ferramentas favoritas.

CONTROLE DE RENDERIZAÇÃO EFICIENTE
Novas configurações intuitivas da câmera tem como objetivo facilitar a renderização do seu próximo projeto com o V-Ray Next for SketchUp. Com o layout atualizado dos controles da câmera poderá manipular os parâmetros rápidos e avançados ao mesmo tempo. Além de, poder especificar resoluções de pixel personalizadas sem se preocupar com a proporção.

Melhores Configurações de hardware e software para Trabalhar Com 3D

Você sabia que as configurações do seu computador pode depender mais do que a capacidade técnica do profissional? Uma boa máquina pode tornar seu trabalho mais fluido, rápido e possibilitar até fazer algumas coisas que exigem mais do processamento do computador, o que teria muita dificuldade em um computador menos potente.

Hardware mínimo para trabalhar com SketchUp:

  • Processador de 1 GHz;
  • 4 GB de RAM;
  • 16 GB de espaço total na unidades de armazenamento (HDD, SSD ou SSHD);
  • 500 MB de espaço disponível na unidades de armazenamento (HDD, SSD ou SSHD);
  • Placa de vídeo 3D com 512 MB de memória ou superior e suporte para aceleração de hardware. Certifique-se de que o driver da placa de vídeo suporte OpenGL versão 3.0 ou superior e que esteja atualizado;
  • Mouse com 3 botões e roda de rolagem.

Software (Windows):

  • É necessário uma conexão com aa Internet para instalar e autorizar o SketchUp e utilizar alguns recursos do programa;
  • Microsoft® Internet Explorer 9.0 ou superior
  • .NET Framework versão 4.5.2.
    Versão do Windows deve ser de 64 bits

Software (Apple):

  • QuickTime 5.0;
  • Safári.

Saiba como fazer impressão 3D com SketchUp

Com as novas impressoras 3D de baixo custo no mercado o uso do SketchUp Pro está fazendo mais parte do dia-a-dia de profissionais da área. Mas, para esse tipo de impressão exige um preparo do seu arquivo, para sua impressão sair perfeita.

1 – Defina seu modelo para milímetros ou polegadas
Antes de começar um projeto é importante usar essa dica para facilitar sua vida lá na frente: Configure o arquivo do SketchUp para unidades métricas ou imperiais. Quando faz essa alteração você não precisará redimensionar o tamanho de impressão do seu modelo mais tarde.

2 – Instale a Extensão SketchUp STL
Geralmente, você pode salvar seu modelo 3D como um arquivo SketchUp (SKP). Mas, a extensão STL do SketchUp é gratuita, e o formato de arquivo STL é o mais comum usado na comunidade de impressão em 3D, facilitando o compartilhamento, impressão e edição do seu projeto.

3– Faça sua impressão 3D à “prova d’água”
Um projeto que está pronto para para impressão não deve apresentar nenhum buraco na sua superfície. Seu projeto deve ser resistente, ou seja, se você colocar meu modelo dentro da água, ele não pode de água dentro. Feche todos o buracos! Esta costuma ser uma das partes mais complicadas da criação de modelos 3D imprimíveis no SketchUp.
Acompanhe mais dicas e conteúdos como esse! Siga nossas página!

Coisas que você precisa saber sobre planos de seção no SketchUp Pro

1: Você pode nomear seus planos de seção
A partir do SketchUp Pro 2018, quando criar um plano de seção será solicitado que você insira um nome e um símbolo para cada plano de seção criado. O Nome identifica seu plano de seção no Outliner enquanto o símbolo é exibido no plano de seção real no SketchUp.

2: Você pode encontrar seus planos de seção em Outliner
Seus planos de seção estão listados no Outliner. Dessa forma, você pode ativar cortes de seção, inverter a direção de corte, Alinhar a visão da câmera a um plano de corte. Além disso, você pode também realizar interações de plano de seção a partir da segurança e conforto da janela do Outliner!

3: Você pode gerenciar vários planos de seção de várias maneiras
No menu Visualizar, você terá a opção de alternar a visibilidade do plano de seção, cortes de seção e cortes de preenchimento para todo o modelo. Se for necessário ser mais preciso, terá também a opção de clicar com o botão direito do mouse em qualquer plano de seção e escolher ativar esse corte ou ocultar esse plano.

Inspeção de extensão: SketchFX

Com o SketchFX da Fluid Interactive, você pode levar os estilos para o próximo nível e obter gráficos de pós-processamento diretamente do SketchUp!
Ele permite que você tenha controle de todos os efeitos que podem ser colocados em camadas no seu modelo Sketchup, permitindo que você crie visuais que normalmente exigiriam que você ativasse seu software de edição de fotos favorito. Além disso, o SketchFX está disponível em dois tipos; SketchFX Pro (para aplicar filtros visuais e efeitos a imagens) e SketchFX EX (que inclui a capacidade de aplicar efeitos a animações).

O que há de novo no SketchUp Pro 2019?

Entre e obtenha modelagem! Tudo o que você faz no SketchUp-universe agora está vinculado a uma única conta para tornar a modelagem, a visualização e o gerenciamento de contas.
Brand-spankin ‘novo para 2019, SketchUp Pro & LayOut: As camadas agora têm linhas tracejadas. Um longo recurso solicitado, linhas tracejadas permitem que você simplifique seus desenhos com uma comunicação de desenho eficaz.
A ferramenta de fita métrica recebeu um facelift este ano. Agora você pode ver as informações de medição exatamente onde está modelando. Modele com mais precisão e mais eficiência!